Quanto vale um fã de Guerra nas Estrelas

Somados, todos os fãs de Guerra nas Estrelas valem o equivalente a 10 bilhões de dólares, valor maior que o PIB de muitos pequenos países do mundo. Esse é o cálculo feito pelo professor  de finanças Aswath Damodaran, da Universidade de Nova Iorque, do valor do faturamento das indústrias Disney com a compra da franquia até 2017, quando outra sequência será lançada.

O cálculo também levou em conta as vendas de produtos associados ao filme. E como as indústrias Disney possuem maior potencial de vendê-los, o faturamento da saga chegou literalmente nas estrelas. A Disney comprou a saga por 4 bilhões da Lucasfilm, pertencente ao cineasta George Lucas.

Os fãs também foram responsáveis pelo aumento do valor das ações da Disney, que cresceu 13,7 por cento no ano de 2015. A Disney, com esse filme, também conseguiu monopolizar as salas de cinema dos Estados Unidos. Normalmente, as salas reservam 3 semanas para cada filme, mas Guerra nas Estrelas estará em cartaz por 1 mês e não em qualquer cinema, mas nos melhores do país.

Até o momento, Guerra nas Estrelas – o despertar da força lidera as vendas nas bilheterias, em segundo Avatar e terceiro lugar Titanic na história do cinema, filmes com efeitos especiais e narrativas fáceis, bastante reflexivos da sociedade moderna.

Em outras palavras, Guerra nas Estrelas é uma máquina de fazer dinheiro, e o mercado de brinquedos, videogames, espadas intergalácticas, cereais, cama para criança, fantasias fora de época, relógios, camisetas, entre outros, irá explorar esse benefício até o fim, sempre repassando uma porcentagem do lucro para a empresa que detém o filme, atualmente, a Disney.

Merchandising é de onde vem o verdadeiro dinheiro de Star Wars, e isso só é possível com a criação de uma legião de fãs que cultua a saga desde 1977. Para quem acredita em coincidências e Darth Vaders, pode mesmo se dizer que Guerra nas estrelas – o despertar da força foi um presente do Papai Noel. Porém, quem realmente teve um feliz Natal, foram os estúdios Disney.

Deixe uma resposta