Tatuagem

Sentei-me com os olhos alheios a quanto me rodeava no vagão do metrô. Imerso num pensamento organizacional, calculava quais seriam meus próximos passos; descer na Estação Consolação, encontrar café pouco frequentado, avançar a leitura do livro, fazer isso, aquilo, depois aquilo outro… Um par de sapatos.

Um par de sapatos desviou a minha atenção e colocou-se na minha diagonal, não tão próximo, nem tão longe. Nunca havia visto um modelo igual. Tamancos holandeses mais ajustados aos pés, de couro na parte dianteira e juta na posterior. Difícil figurar o modelo, eles pareciam da Sarah Chofakian com alguma coisa de ortopédico. Evidentemente não eram bonitos. Ainda assim, eu os usaria.

Leia

Um funeral para ARA San Juan

Imagem: EITAN ABRAMOVICH/AFP

Noticiários trazem novas evidencias sobre o submarino ARA San Juan desaparecido desde o dia 15 de novembro, aumentando a expectativa de amigos e familiares dos 44 tripulantes a bordo, dessa vez são os possíveis destroços do veículo.

Sem expectativas de sobreviventes, no início do mês de dezembro, o governo Macri declarou as buscas por encerradas. Porém, devido à pressão popular e ao auxílio internacional, a marinha argentina volta a investigar o paradeiro de ARA e trazê-lo à tona.

Familiares, amigos e a sociedade argentina não estão à espera de um milagre, eles protestam pelo direito de enterrarem seus mortos, afinal, foi a mando do governo que eles partiram e é obrigação do governo trazê-los de volta.

Leia

Morrer na praia lifestyle

Eu poderia caminhar um dia inteiro. Aliás. Eu poderia caminhar por semanas. Eu já caminhei por dias. Dezesseis dias. Digo dezesseis. Foram seis. Mas eu digo dezesseis. Aumento. Invento. Não, não invento. Eu só aumento. Afinal, o fato aconteceu. Só não aconteceu assim do jeito que eu te conto como aconteceu. Eu minto, eu sei, eu minto quando acrescento um decimal na casa dos feitos. E você me julga. Eu aceito. Você tem razão. Realmente, não foi assim, não foi tudo isso. Foram seis digo dezesseis. Eu invento. Não, não invento. Eu só (na singeleza que esse só pode acrescentar para aquilo que eu vá te dizer depois) … Eu só aumento. Por favor, entenda-me.

Leia

O negro onde ele quiser

Emmit Walker, um executivo de música norte-americano, foi acusado de estar no lugar errado na última terça-feira, 5, quando embarcava na fila da primeira classe no aeroporto da cidade de Arlington, em Virgínia. Emmit viralizou nas redes com a resposta: “sou apenas um negro com dinheiro”. O mesmo poderia ter dito Emicida ao ser tachado de “hipócrita” pelo MBL.

O rapper não deixou barato no Twitter: “ponto didático de hoje é: Se você não se ofende ao ver pretos na miséria, tenha pelo menos a fineza de ficar calado quando ver eles em ternos de 15 mil”.

E a pergunta que fica é: por que um negro de sucesso incomoda? Leia

As Arpilleras do Brasil

Chega no Cine Belas Artes o longa-metragem Arpilleras: atingidas por barragens bordando a resistência.  Filme feito sem financiamento privado e produzido pela organização MAB (Movimento dos Atingidos por Barragens). A ONG atua há 26 anos com as comunidades ribeirinhas vítimas das zonas de alagamento.  

O documentário denuncia essa realidade ao cruzar o relato de dez mulheres atingidas pelas barragens e que residem em diferentes regiões do Brasil.

Leia